Os emigrantes portugueses devem fazer um boicote ao envio de dinheiro para Portugal

Publié le par FACE OBSCURA DA LEI

Infelizmente  o Poder Político e o Poder Judicial  Português não têm consideração pelos emigrantes portugueses

Nós, emigrantes, fomos obrigados a sair de Portugal para procurar no estrangeiro uma vida digna. Os poderes instituídos em Portugal tornaram o nosso País no mais atrasado, no menos culto, no mais corrupto da União Europeia.

O Dr. Marinho Pinto , Bastonário da Ordem dos Advogados, colocou o dedo na ferida: Há dois Países e Há duas Justiças: O País dos Ricos e a sua Justiça e o País dos menos ricos e a Justiça que lhes aplicam.

Nós ,emigrantes, fomos escorraçados de Portugal pelos que comem toda a riqueza e desenham as forças do Poder para os proteger e nos prejudicar.

Depois de muitos anos a trabalhar ,no estrangeiro ,quando queremos voltar à nossa terra para investir, para aqui construirmos  habitação, criar empresas, somos confrontados com os que nunca  daqui sairam e detêm o poder. 

Assim, quando regressamos a Portugal já não somos portugueses somos:  "o emigrante" ou  "os emigrantes".

Depois o "sistema" montado pelos que ficaram em Portugal ,a viver das remessas de divisas que nós emigrantes enviamos , têm inveja de nós. Uma dor de cotovelo enorme. Odeiam-nos memso . Tudo fazem para nos prejudicar.

Os que ficaram em Portugal são amigos do GNR, do PSP, do "da Cãmara" ,do "fulano de tal", do "cicrano" ,  tudo fazem para destruir os que emigraram, os que depois regressam a Portugal com outras ideias sobre direitos liberdades e garantias, sobre organização política, económica e social.

O "Sistema" abate-se sobre nós, emigrantes, de tal forma que nos sentimos estrangeiros na nossa terra. 

Nós temos outros horizontes, contactámos com outros sistemas políticos e judiciais,  sistemas que respeitam os direitos humanos, a igualdade, a liberdade, a intervenção cívica, a intervenção política.

Os que ficam em Portugal parecem as personagem da Alegoria da Caverna , que querem destruir quem  saiu e viu a realdade, em vez de sombras, quando eles continuam a entender que tudo é sombra, que eles e que estão certos!!!

Portugal e os poderes instituídos sugam as riquezas criadas pelos  emigrantes , servindo nós apenas como enviadores de dinheiro para alimentar a máquina do Poder Instituído, que depois nos vai aniquilando.

Portugal vive ainda na idade dos bairros de lata. Portugal exporta mulheres a dias, empregadas domésticas, empregados agrícolas, serventes de pedreiro, MAS DEPOIS SÃO ESTES QUE ENVIAM MILHÕES E MILHÕES DE EUROS  PARA ALIMENTAR A MÁQUINA DO ESTADO, PARA DAR DE COMER AOS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS, PARA IMPEDIR QUE PORTUGAL SE DESTRUA COMPLETAMENTE!!!

Ou seja, nós que fomos obrigados a emigrar porque o Estado Português  é medieval, somos os que lhe valemos , enviando dinheiro para eles se pavonearem como se fossem ricos ou chegassem aos calcanhares dos outros Políticos  da União Europeia.

Face a tudo isto, NÓS EMIGRANTES DEVEMOS DECIDIR NÃO ENVIAR DNHEIRO PARA PORTUGAL,  NÃO INVESTIR EM PORTUGAL.

PODEMOS INVESTIR EM QUALQUER PAÍS DA EUROPA , MAS NUNCA EM PORTUGAL.

PORTUGAL SÓ SE ENDIREITA SE HOUVER UMA VARRIDELA DO SISTEMA. 

O NOSSO DINHEIRO , GANHO COM TANTO SACRIFíCIO, NÃO DEVE IR PARA PORTUGAL PARA ALIMENTAR A MÁQUINA DO SISTEMA QUE NÃO NOS RESPEITA, NÃO NOS AJUDA - daqui a pouco nem consulados há! - E QUE DEPOIS QUANDO EM PORTUGAL NOS TRATA COMO CIDADÃOS  DE TERCEIRA CLASSE.

A luta que eu travo em Portugal pela dignidade e pelo direito à igualdade de tratamento, mostra bem como somos tratados, e o poder que o "sistema" tem e a força que os "amigos", os "amigalhaços" os que "conhecem A ou B" têm!!!

Nem na Albânia pensei ser possível tal situação dramática.

Os outros Países da União Europeia têm mais respeito por nós emigrantes portugueses que PORTUGAL.

PORTUGAL  está na miséria, cada vez mais somos obrigados a emigrar, não devemos engordar os incompetentes que  governam Portugal, NÃO DEVEMOS ENVIAR REMESSAS DE DIVISAS OU DE EUROS PARA PORTUGAL.

Se continuarmos a enviar o nosso dinheiro, estamos a contribuir para que o sistema podre e caduco que governa Portugal se eternize.


Fernando Sérgio

Commenter cet article

Fernando Sérgio 25/10/2011 01:15


Sr Alfredo, eu jà nao vou de férias a Portugal a 3 anos e tenho desfrutado muito melhor, mais barato, nos outros paises, como o Brasil, Reino dos Marocos e Républica Dominicana. Agora Portugal so
vou para resolver os problemas causados pela inveja e incompetencia local.

Fernando Sérgio


Fernando Sérgio 25/10/2011 01:06


Tenho a agradecer as pessoas que deixam aqui os seus comentàrios, que servem a encorajar a minha luta pela verdade, os comentàrios dos residentes que dizem que nao precisam do nosso dinheiro para
nada,tambem sao importantes,
mas façam atençao que os fundos europeus vao acabar e depois eu quero ver.

Portugal safa-se se for governado por estrangeiros.

NAO MANDEM DINHEIRO PARA PORTUGAL.

Muito obrigado, amigos.

Fernando Sérgio


alfredo cunha 18/10/2011 22:31


eles em portugal mesmo que nos os emigrantes nao mandando dinheiro para eles gastaren em féstas de estàdo e dar o rendimento minimo a quem ten vo corpo para trabalhar, e em outras tantas coisas
enuteis ;eles tiran-nos sempre a nos ou seija a uma boua parte que tem casa na quele pais; que jà teve tudo para ser um dos melhores da comunidàde,quando cumessarao a recever dinheiro da comunidàde
destribuiram-no cumo se sàve bacarias que apos 5 anos jà érao e etc,que perdouen as dividas à angola que enteguen as culonias de mao beijàda e que ainda hoge mandao dinheiro para africa ,vamos ver
que é que timor nos vai dar eu sei que estes povos nao ten culpa mas eu tambem nao e por estas e por outras é que nos os escràvos temos de aguentàr,ainda apélao à éta para acabar com a biolencia ,a
politica em portugal està a pedir mais e mais biolencia ,a politica portuguesa jà à muito tempo que està a favor dos gatunos pois agora entende-se para que tanto estudarao e depois com esta gente a
justissa nunca fonciona, é esto que a lei é egual para todos,penssao é que por nao termos estudos cumo eles temos a cabessa nos pés ,disia-se até agora que portugal era bom so para férias ,mas
agora jà nem para férias


C 18/10/2010 10:52


On peut admirer, soutenir, commenter le courage d'autrui...l'important c'est ce que chacun de nous fait au quotidien pour lutter contre l'injustice de ce genre ou similaire ! Petits ou grands
combats, ils nous concernent directement ou indirectement, un jour où l'autre !! Quelques uns restent debout face à l'écrasement judiciaire, administratif..ect, les autres optent pour la
résignation et espèrent que quelqu'un de "courageux" obtienne...une justice qui profitera au peuple!!! En attendant, c'est le vaillant qui lutte...
Le courage n'est pas incroyable, il résulte d'un état d'esprit, de logique, de forces...que chacun peut cultiver et transmettre à sa progéniture. Si tout le monde reste muet, sourd...et surtout
aveugle, que laissons-nous en héritage, quel valeur transmettons-nous???

Chacun de nous a sa propre lutte contre l'injustice, quand nous luttons pour nous même, nous le faisons également pour autrui !
Il suffit d'avoir "les coucougnettes" pour !

Cultiver le courage !


carlos 17/08/2010 14:38


C'est vraiment incroyable le courage dont vous faites preuve au quotidien dans votre lute face à ce dinausore qu'est la justice portugaise.
Vous devez garder vos forces et continuer votre combat car beaucoup d'hommes ont donné leur vies pour que l'on ait une démocratie.
Vous faites partie de ces hommes qui font avancer le monde afin que les lois soient les memes pour toute personne.
Je suis admiratif de votre combat.
Vous verrez un jours ou l'autre vous serez récompensé car il y aura bien un politique ou une opinion publique qui mettra de l'ordre dans tout cela.

Si Dieu existe il doit avoir énormément de bienveillance à votre sujet.

C'est peut etre pour cela que vous etes si courageux.

Bon courage.

cordialement

carlos