Queixa a meu encontro do dr Mendes Gaspar

Publié le par FACE OBSCURA DA LEI

DSC-0035.JPGDr Mendes  Gaspar apresentou queixa contra mim,
 
O facto està de eu ter participado dele, ao conselho de deontologia da ordem dos advogados.


Este alega, que na minha participaçao mencionei que ele " tinha comprado " a juiza que homologou a providencia cautelar, entre outras acusaçoes.

Como é logico para fins de dar fundamento a sua queixa.

No seu plano,
 
alega que a placa que se mantém no meu terreno com a frase: 

Corrupçao ou se acaba com ela, ou ela acaba com o pais,

que se dirige a ele e que as palavras da placa sao difamatorias e injuriosas !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Mas eu mencionei na minha participaçao que este enganou a doutor juiza de Direito,

enganar é muito diferente de comprar !!!!!!! 

Este advogado patrocinou uma causa injusta, e jà depois de todas as suas consequencias,
 
cometeu novamente uma falta extremamente grave,

pois é com perfeito conhecimento dos mecanismos da lei, visto as suas funçoes,

que este ilustre advogado perante a autoridade e com a consciencia da falsidade da imputaçao,

denunciou sobre a minha pessoa a suspeita da pràtica de um crime.

Este conscientemente e contra direito conduziu e praticou acto,

em represàlia a minha participaçao feita no Conselho de Deontologia,
 
actuou com a intençao de que se instaura-se procedimento a meu encontro.

Este advogado nao respeita a Etica, nem o Codigo Deontologico dos Advogados de Portugal e da Uniao Europeia.

E agora vem desta vez, praticar mais dois crimes:

1 / Denuncia caluniosa, punivel com pena de prisao até 3 anos "artigo n°365 do codigo penal"

2 / difamaçao, punivel com pena de prisao até 6 meses "artigo n°180 do codigo penal".

Tambem a verificaçao de dolo, em qualquer das suas formas e a premeditaçao, sao circunstancias agravantes. 

E nao posso faltar com o requerimento ao tribunal afin de ordenar o conhecimento publico da sentença condenatoria, nos termos do artigo n° 189 do codigo penal.

Este advogado na parte do fim desta "guerra" ,
 
vai apanhar com mais um processo, de procura de responsabilidade neste litigio,

por nao respeitar o Estatuto da Ordem dos Advogados, notamente os artigos 78, 79, 83 deste diploma,

pedindo ao tribunal que este advogado seja condenado pela sua conducta adoptada, 

bem como obrigado a pagar uma importante indemnizacao civil.

 
Fernando Sérgio


Publié dans ADVOGADO ADVERSO

Commenter cet article